10 Dicas de Como Estudar Inglês para Concurso Público

0
136
10 Dicas de Como Estudar Inglês para Concurso Público
Multiethnic Group of Children and English Concept

Terceiro idioma mais falado no mundo — atrás apenas do mandarim e do espanhol — o inglês pode ser uma pedra no sapato de muitos candidatos em processos seletivos.

Isso porque muita gente subestima o inglês para concurso e, na hora da prova, acaba metendo os pés pelas mãos.

Como muitos concursos públicos exigem nota mínima em todas as matérias, estudar com afinco a língua inglesa é fundamental!

Mas fique tranquilo, porque o idioma é bastante simples.

Seguindo algumas dicas certeiras que separamos, temos certeza de que a aprovação vai chegar muito mais rápido.

Confira 10 dicas de como estudar inglês para concurso

1 – Saiba o que cai na prova

Para se dar bem na prova de inglês para concurso, é fundamental ler o edital com atenção e entender tudo que é solicitado no conteúdo programático.

As bancas pedem coisas diferentes aos candidatos, então algo que aparece muito em um edital pode ser irrelevante em outro.

Contudo, de maneira geral, é preciso ter uma base sólida. Dessa forma, há alguns pontos que sempre estarão presentes, seja qual for o concurso.

São eles:

Function words and content words.
True and false cognates.
Phrasal verbs: look at, look after, look for, give in, give up, give away, take down, take back, take over, put out, put down, put up with, go out, go through, go on, keep up.
Modal verbs: can, could, may, might, should, must, ought to e used to.
Verb tenses: past, present and future
Present tenses: simple present, present perfect e present continuous.
Past tenses: simple past, past perfect, past continuous e past perfect continuous.
Future tenses: simple future, future perfect, future continuous e future perfect continuous.
Regular and irregular verbs.
Discourse markers: or a start, first of all, first off, to begin with.
Vocabulary build-up techniques.
Affixes: in, ing.
Collocation/idioms.

2 – Atenção aos verbos regulares e irregulares

Regular and irregular verbs, ou seja, verbos regulares e irregulares são a base do aprendizado do Inglês. Contudo, são facilmente confundidos ou esquecidos.

Decore os principais verbos para não acabar perdendo uma questão por conta de um erro simples.

3 – Tenha um material de qualidade

Antes de iniciar seus estudos é muito importante certificar-se da qualidade do material que utilizará como base, especialmente os gratuitos.

Há muita coisa disponível na internet, mas nem tudo vai realmente beneficiar seu aprendizado.

Por isso, faça download apenas de sites conhecidos, indicados por outros concurseiros.

Também avalie a compra de livros específicos da área.

Uma boa opção é a obra Inglês para concurso – Uma abordagem prática, de Roberto Witte, que traz um conteúdo prático e objetivo, já tendo se tornado uma referência na área.

4 – Faça provas anteriores

Essa dica é sempre valiosa. Em qualquer disciplina, é fundamental estudar a partir das provas de concursos anteriores.

Dessa forma, você poderá montar uma estratégia de estudos mais eficaz, já que conhecerá a fundo o estilo da banca examinadora do processo seletivo, os conteúdos mais solicitados e os tipos de questões.

Além disso, o método de estudo por questões é, reconhecidamente, o que apresenta os melhores resultados de forma mais rápida, porque ajuda a fixar e a revisar a matéria.

Saiba mais sobre a técnica e como aplicá-la de forma correta no post Como acelerar sua aprovação estudando por questões

5 – Estude a gramática

Assim como nas provas de língua portuguesa, as provas de inglês para concurso pedem conhecimentos de gramática.

Muitos candidatos acreditam que não é preciso dar atenção a essa parte do conteúdo, focando apenas em interpretação de textos.

No entanto, como as provas exigem pontuação mínima, é importante não deixar questões em branco.

Por isso, inclua no seu cronograma de estudos um tempo para estudar gramática, que constitui, em geral, cerca de 40% da prova.

Os principais tópicos são: phrasal verbs, conectivos, modais e sinônimos.

6 – Fique de olho nas pegadinhas

Há alguns pontos na disciplina para os quais você deve dispensar uma atenção redobrada.

São as famosas pegadinhas. No caso da língua inglesa, os chamados falsos cognatos são os campeões da confusão.

Isso porque falsos cognatos são palavras com grafia idêntica ou muito semelhante as que temos na língua portuguesa, mas com significados totalmente diferentes.

Por exemplo: a palavra “actually” é muito parecida com o nosso “atualmente”.

Mas, em inglês, significa “na verdade”. “Push” significa “empurrar”, mas é constantemente relacionada com o verbo “puxar”.

Outro ponto para atentar: termos técnicos.

Algumas provas solicitam uma terminologia específica referente ao cargo em disputa.

Ou seja, você precisa estar por dentro do conteúdo programático e dos termos utilizados na área em que pretende atuar.

7 – Conheça os termos técnicos

O Inglês para concursos não é o mesmo que o estudado na escola, nem mesmo em cursinhos do idioma.

Ou seja, costuma ser bem direcionado para o cargo pretendido, com muitos termos técnicos e expressões habituais da área.

Por exemplo: caso o concurso seja da Receita Federal, o vocabulário solicitado irá conter termos sobre tributação e economia.

Se for a seleção para Diplomata, certamente haverá questões envolvendo Direito Internacional e questões políticas.

Por isso, mesmo que você já tenha fluência no idioma, será preciso adaptar seus estudos para contemplar o conteúdo específico da área em que quer atuar.

Ou ficará perdido na hora da prova!

8 – Fique atento aos enunciados

As expressões usadas no enunciado das provas de Inglês para concursos, muitas vezes, é um indicativo da resposta.

Sendo assim, fique atento aos tempos verbais, ou termos que indiquem temporalidade, como in the past (no passado).

Ou também a expressões como disagree (discordar) ou in your opinion (na sua opinião).

Esses detalhes podem lhe ajudar a entender o contexto mais facilmente e, assim, apontar o o caminho da alternativa correta.

9 – Pratique o que aprendeu

Por último, mas igualmente importante, você precisa praticar o que aprendeu.

Qualquer idioma precisa ser constantemente treinado e o inglês não fica de fora.

Embora seja uma língua de estrutura simples, somente a prática lhe dará fluência e segurança.

Sendo assim, procure conversar com colegas e amigos em inglês, assista filmes sem legenda (ou com legenda em inglês), leia livros e ouça músicas no idioma.

Assim você irá educar o ouvido, identificar palavras e termos, além de aumentar o seu vocabulário.

10 – Invista em um curso preparatório direcionado

Se você tem como investir tempo e dinheiro em curso preparatório, é preciso pensar bem antes para escolher um que seja adequado às suas necessidades. Afinal, é sempre um diferencial apostar em um módulo específico para a área ou cargo pretendido.