Como conciliar trabalho e estudos para concursos públicos

0
39
trabalho e estudos para concursos públicos

Adequar a dupla jornada de trabalho e estudos para quem está se preparando para concursos públicos, pode ser a dificuldade de muita gente. E, talvez, você também sinta isso.

Se você é uma dessas pessoas, saiba que tem um jeito para tudo. Neste post, vamos ensinar como ajustar as tarefas e trazer bons resultados.

Muita gente precisa trabalhar para custear seus gastos e ao mesmo tempo estudar para mirar novas oportunidades de crescimento.

E, às vezes, não conseguem criar um esquema e acabam ficando estressados e formando um ciclo de desorganização em torno da vida.

Saiba que organização é muito importante, mesmo que você tenha um tempo mínimo disponível para os estudos.

Mapeie as tarefas

A primeira coisa é colocar num papel ou mesmo numa planilha todas as suas tarefas e horários em que serão realizadas.

Comece pelo seu trabalho: se você trabalha à noite ou durante o dia.

Por exemplo, se você trabalha durante o dia, lhe resta a parte da noite para organizar os seus estudos. E, se você trabalha à noite, você tem dois períodos diurnos em que pode ajustar os estudos.

Dessa forma, as suas tarefas e horários ficarão distribuídos de um jeito que você conseguirá visualizá-los.

Crie um planejamento de estudos

Agora, é a vez do plano de estudos.

Depois que você conseguir idealizar todos os afazeres ficará mais fácil de planejar de que forma irá estudar.

Construa um planejamento em cima dos horários que lhe sobram e distribua todo o conteúdo a ser estudado para o seu concurso.

Empregue bem o tempo de estudos

Após a organização e a criação de uma programação de estudos será imprescindível aproveitar bem o tempo que você disponibilizou para isso.

Não importa quanto tempo você reservou por dia para estudar, o importante é que seja usufruído da melhor maneira possível e de maneira otimizada.

Otimize os estudos

Aqui é necessário você detectar quais as melhores formas ou formatos de estudos e pode ser que você precise testar.

Existem pessoas que preferem assistir a todas as aulas e depois treinar por questões.

Outras, preferem conjugar a leitura de livros ou a lei seca com o treinamento de questões.

E ainda há estudantes que preferem ir direto na prática, pois já têm bagagem o suficiente para exercitar-se e em cima das dificuldade e procurar apoio na teoria.

O ideal é contabilizar o tempo para cada um deles e verificar qual você teve um maior rendimento e com mais qualidade.

Manter a estrutura física e emocional

A gente sabe que conciliar as tarefas necessárias a sua manutenção de vida e ao seu crescimento é um trabalho árduo.

Pode ser que chegue uma hora em que você estará exausto. E para isso não acontecer, precisará ter o cuidado de reservar os momentos que são essenciais para manter a estrutura do seu corpo funcionando.

Por isso, os intervalos para uma boa alimentação, um descanso e, claro, um lazer, são essenciais.

Tudo isso precisa estar dentro da sua programação de vida, com espaços reservados especialmente para cada um deles.

Saiba renunciar, caso precise

Não adianta, existem coisas que você poderá precisar renunciar em prol do objetivo maior que é a aprovação.

Pode ser que aquela baladinha, o churrasco do fim de semana, a viagem naquela “esticadinha” de feriado precisem ficar em stand by por algum tempo.

Até porque nesses eventos, você pode se esgotar demais e desperdiçar um dia inteiro, deixando os estudos para o dia seguinte, ou para o começo da outra semana.

Agora, se você é capaz de cair numa balada ou se esbaldar num churrasco, ou ainda, fazer aquela viagem prolongada e cansativa e mesmo assim dar conta do recado, então poderá usufruir dessas eventualidades.

Porém, nada disso poderá atrapalhar seu rendimento de forma alguma. Tudo sem abuso e com responsabilidade.

Mas, se você se encaixa no outro perfil que não consegue usufruir sem prejudicar os estudos, então é melhor ficar longe disso por um tempo.

Afinal, para um sonho ser alcançado sempre existe a possibilidade de ter de abdicar de algumas coisas que tanto nos agrada.

Mas, não se preocupe, será por um breve tempo até que você conquiste a sua aprovação.

Preste atenção: essas renúncias não se confundem com as necessidades básicas que falamos no tópico anterior, viu? São coisas completamente diferentes.

Essas dicas são sugestões que você pode seguir para tentar equilibrar trabalho e estudos para concursos.